REFLEXÕES PASTORAIS COM GRAÇA

segunda-feira, 4 de junho de 2012

FAÇA A OUTROS O QUE DESEJA QUE FAÇAM A VOCÊ!

O que você tem desejado para si mesmo, está relacionado, em semelhança, ao que deseja para os outros? Há uma regra espiritual exposta por Jesus que bem ilustra esta questão. Espiritualmente, saiba que: Tudo o que você deseja de bem para o outro, conta ponto a seu favor! Reflitamos sobre a regra áurea bíblica: “Tudo, pois, quanto quereis que os outros vos façam, fazei também a eles, porque esta é a lei e os profetas” (Mt 7.12). Que tempos são estes que estamos vivendo? Você já se fez esta pergunta? Eu, também, e encontro uma resposta: estes são os tempos em que – cada vez mais – as pessoas se sentem um tanto perdidas no que diz respeito aos CONCEITOS, VALORES E PRINCÍPIOS que o mundo está buscando definir. O versículo exposto compõe as últimas partes do sermão da montanha em que Jesus "radicaliza" aguns conceitos, então vigentes, quanto as duras práticas judaicas de julgamentos religiosos dos que somente enxergam os erros e as faltas de outrem, nunca as de si mesmos, das relações implacáveis com os inimigos, como a afirmar que deve fazer o bem para os que nos desejam o bem e o mal para os que nos desejam o mal! Mas eis que em Mt 7.12 fica evidente que o apelo de Jesus – que resume os ensinamentos das Escrituras Sagradas, É QUE FAÇAMOS AO PRÓXIMO O QUE DESEJAMOS A NÓS MESMOS! Como ninguém em sã consciência deseja o mal para si mesmo, somente nos resta fazer o bem, sempre!
            O que desejo de melhor para mim mesmo devo desejar e fazer para o outro; então vejamos como se aplica este ensinamento que caracteriza a REGRA ÁUREA ensinada por Jesus:
1.      VOCÊ DESEJA SER VALORIZADO EM SUA VIDA PROFISSIONAL! Então, não pode deixar de insistir e lutar para que, no que depender de você, todos quantos o cerquem se sintam valorizados por você.
2.      VOCÊ NÃO ACEITA PESSOAS MENTIROSAS E FALSAS EM SUA VIDA! Então, na vida de outros, procure ser uma pessoa que não minta, nem aceita falsidade nos relacionamentos com os outros.
3.      VOCÊ NÃO ACEITA PESSOAS ARROGANTES E INTOLERANTES EM SUA VOLTA! Então, aja com os outros como exemplo de pessoa humilde e tolerante!
4.     VOCE NÃO TOLERA PESSOAS GROSSEIRAS E VIOLENTAS EM SEUS  RELACIONAMENTOS! Então, aja com mais ternura e docilidade para com todos!
5.     VOCÊ QUER SER FELIZ NOS SEUS RELACIONAMENTOS, SENTINDO-SE AMADO E RESPEITADO! Então, inicialmente faça seu namorado, noivo, ou cônjuge, feliz, amando-o/a e respeitando-o/a, sempre!
6.      VOCÊ QUER SER PRÓSPERO E TER UMA VIDA DE ABUNDÂNCIA SEMPRE! Desejou bem, mas não se esqueça de fazer com que os outros, no que depender de você, sejam prósperos e tenham vida de abundância, também!
7.      VOCÊ NÃO SUPORTA TRAIÇÃO DE NENHUMA ESPÉCIE! Ninguém gosta mesmo, então, comporte-se sempre como alguém digno de confiança e que é fiel às amizades e à palavra empenhada!
8.      VOCÊ NÃO ACEITA QUE O HUMILHEM OU CAUSEM CONSTRANGIMENTO! Então, não humilhe ninguém, tampouco constranja quem quer que seja!
9.       VOCÊ QUER SER PERDOADO POR SUAS FALTAS E TRANSGRESSÕES, ENTRE OS HOMENS E EM SUA RELAÇÃO COM DEUS? Então, cumpra Ef 4.32 (Sejam bondosos e compassivos uns com os outros, perdoando-se mutuamente, assim como Deus os perdoou em Cristo).
10.   VOCÊ QUER MAIS DE DEUS? ENTÃO, MOSTRE A GRANDEZA DE DEUS EM VOCÊ: Independentemente do que lhe fizeram, NÃO PAGUE O MAL COM O MAL, mas pague ao mal com o bem (vejamos Rm 12.17-21).
Exemplos que nos importa seguir:
1)     (Gn 37.1-50.21): José foi motivo de inveja por seus irmãos, para culminar foi traído por eles e vendido a mercadores como escravo; depois de muitos anos de sofrimentos e perdas, sendo totalmente inocente, foi feito prisioneiro em prisão do Egito. Mas uma vez restaurado por Deus,caiu nas graças de faraó e como governador do Egito, José recebeu seus irmãos e seu velho pai, acolheu-os, sustentou-os e pagou o mal com o bem!
2)      (1 Sm 17.12 - 2 Sm 9.13): Davi se viu cercado pelo ódio e pela inveja do rei Saul, ficou muitos anos como fugitivo, foi caçado implacavelmente, teve oportunidades de pagar o mal com mal, mas não o fez; antes pagou o mal com o bem. Anos depois, preocupado com os descendentes de Saul e Jônatas, acolheu Mefibosete, filho de Jônatas, deficiente físico, que temeroso por sua vida foi trêmulo de medo à presença real, que o chamara; Davi o acolheu, devolveu-lhes os bens da família e ainda deu-lhe o privilégio de sentar-se à mesa do rei, por todos os seus dias. Pagou Davi o mal que havia recebido, com o bem que nunca recebera de Saul.
Se pensarmos que podemos agredir ao outro sem agredirmos a nós mesmo, estamos iludidos, porque o mal já está dentro de nós, antes mesmo de atingir o outro.
Expulse o mal de sua vida, faça o bem, ame mais, seja mais paciente, escute mais, fale menos, toque, abrace, encontre, perdoe, não guarde mágoa, então, seja feliz! saiba que todos os bons sentimentos que você partilhar hão de ficar com você e se multiplicarão entre os que receberem.
A essência de tudo aquilo que oferecemos ao outro fica conosco. O que doamos é apenas uma leve fragrância de nossa intenção, uma cópia do original divino que está em nós. Nossa ação chega ao outro realmente, mas antes, e principalmente, fica em nós mesmos. O que você quer oferecer ao outro é o que deseja para si mesmo? (Reflexão com base em sermão proferido na Comunidade, por este pastor, no culto de domingo 03/06/2012).