REFLEXÕES PASTORAIS COM GRAÇA

quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

AINDA QUE A FIGUEIRA NÃO FLORESÇA...!

O livro de Habacuque foi escrito, especialmente, para que Deus fosse apresentado como quem está no controle do mundo, embora o mal pareça estar vencendo. O profeta viu o mal no mundo em que vivia e isso lhe partia o coração. Ele profetizava no Reino do Sul, Judá, e tinha muitas perguntas para Deus. Habacuque, como acontece conosco,  enfrentava dúvidas e fez algumas perguntas a Deus, mas o Senhor respeitou suas dúvidas, respondeu-lhes  às indagações (1.1-2.20) e fortaleceu-lhe a fé. Deus assegurou a Habacuque que, apesar das aparências que o mundo tinha, Ele estava no controle, e ainda amava o Seu povo. É, então, um livro muito interessante com uma grande mensagem divina. Mas gostaria de me deter no v.17 do capítulo 3 no ponto central da conhecida "oração de Habacuque", tão citada e tão cantada em nossos momentos de louvores e adoração ao Senhor. As adversidades, os problemas e as tentações rotineiramente nos rodeiam e, muitas vezes, podem nos levar ao cansaço, ao desânimo e até a desistência! Em nossa relação com Deus importa saber isso: os problemas surgem, as tempestades se formam, a ansidedade se agrava ao ponto, até, de levar à doenças da mente e da alma, mas precisamos ter a convicção (Fé) de que Deus está conosco e não nos abandonará!
Ainda que a figueira não floresça - a linguagem bíblica expressa palavras, textos e situações que se referem a um povo com hábitos, costumes e tradições rurais e campestres, daí a imensa citação de frutas, legumes, grãos, enfim alimentos cultivados na terra - simboliza em nossos dias de intensa e quase total urbanização, ainda que o que eu produza (que o sonho que tão intensamente sonhei) não frutufique, não aconteça) mesmo assim eu me alegrarei no Senhor!
Às vezes assim acontece, sonhamos e não vemos o nosso sonho se realizar!
Mas apesar das circunstâncias adversas, ao compreendermos Habacuque, podemos aprender alguns passos para confiar e ter compromisso com Deus:
Primeiro passo: É preciso aprender a pedir - Não hesite em pedir sabedoria a Deus e que a Sua vontade seja feita.
Segundo passo: É preciso descançar - Descance em Seu controle; confie em Seu poder e providência.
Terceiro passo: É preciso estar disposto a receber - Ouça a voz de Deus e espere receber Suas instruções; esteja aberto a mudanças.
Quarto passo: É preciso responder à voz de Deus - Obedeça em tudo o que Ele mandar.
Quinto passo: É preciso se regozijar, alegrar-se no Senhor - O tempo de esperar e descançar nEle acontece simultaneamente com a alegria de saber que a vitória virá! Adore o Senhor, independentemente das circunstâncias atuais.
Deus, neste tempo de violência, descasos, descrenças e esfriamento de fé, nos leva a buscá-Lo cada vez mais! E neste momento, nos leva a renovarmos a nossa confinaça nEle. Independentemente do que estiver vivendo, mesmo que a fiqueira não esteja florescendo ou estiver seca, você tem que acreditar/crer/confiar e ter a atitude de esperar!
Se alguém estiver caluniando ou perseguindo você, se estiver sendo injustiçado em qualquer sentido, não perca seu tempo alfinetando pessoas ou mesmo desejando o mal. Saiba que ressentimentos em seu coração somente prejudicam você mesmo! Em especial, prejudicam sua relação com Deus, pois são sentimentos que não pertencem a Ele, pois Deus é amor, e Sua benignidade permanece para sempre!
Em síntese, portanto:
Ainda que haja desemprego em sua vida, espere e se alegre no Senhor que Ele está providenciado o melhor para você!
Ainda que haja dívidas e mais dívidas em sua vida, espere e se alegre no Senhor, logo você terá condições de sanar suas finanças!
Ainda que haja inveja, ciúme e perseguições em sua volta, espere e se alegre no Senhor,pois sua luz, que irradia a Luz do Senhor, logo dissipará as trevas que insistem em ofuscar você! 
Ainda que ..... ainda que ..... ainda que .... todavia se alegre  e dê graças ao Senhor e louve a Deus, o Salvador. E que se cumpra o Hc 3.18 em sua vida: "O Senhor é a minha força. Ele torna o meu andar firme como o de uma corça e me leva para as montanhas, onde estarei seguro"!(Reflexão com base em mensagem anunciada na Comunidade, pela pastora Isabel Cristina Oliveira, no culto de domingo 20/01/2013).