Postagens

Mostrando postagens de Novembro 24, 2013

COMENTANDO JESUS 3: NÃO SE PODE DISSOCIAR O JESUS CRUCIFICADO E O CRISTO RESSUSCITADO!

Este  terceiro comentário tem como base um texto do livro O ser humano em busca de identidade: contribuições para uma antropologia teológica de autoria de Gottfried Brakemeier, teólogo luterano (editora Sinodal; editora Paulus, 2002, p.42,43), com o que concordo integralmente. Eis a citação:                “É ilícito dissociar o Jesus crucificado e o Cristo ressuscitado. O Nazareno é sinônimo não só de vitória e poder. Ênfase unilateral no Cristo exaltado alimentou um triunfalismo cristão que idolatrava o sucesso. Em sua variante religiosa, a pessoa cristã não podia demonstrar fraqueza. Seria indício de insuficiência de fé. Atitude sempre vitoriosa, porém, tem seu preço pela hipocrisia. Em sua variante política, legitimava o exercício de poder. Os soberanos sancionavam sua autoridade com o Cristo monarca, em cujo nome haveria de ser extirpado tudo o que não lhe sujeitasse. Foi essa a cristologia dos conquistadores da América Latina. Esse Cristo é cruel, em ambas as variantes. A obsessão…