REFLEXÕES PASTORAIS COM GRAÇA

segunda-feira, 4 de março de 2013

PENSAR ANTES DE FALAR...EIS A BASE DA COMUNICAÇÃO BIBLICAMENTE APROVADA!

Provérbio 16.23 (NTLH) é bastante impactante, pois contém uma verdade revestida de amplitude e singeleza: “O homem sábio pensa antes de falar; por isso o que ele faz convence mais”. Se seguirmos este conselho, a base de uma boa comunicação está feita e muitos problemas serão evitados, em qualquer nível de relacionamento. Ao contrário, a má comunicação nos afeta diretamente e constitui, muitas vezes, um dos principais problemas nos negócios e na vida pessoal. A comunicação compreende muitos aspectos: palavras, tom de voz, gestos, expressões faciais, humor, tempo e todos as nuanças não verbais que transmitem o que se pretende dizer. Para entendermos os fundamentos cristãos quanto à comunicação e seu poder, iremos recorrer ao livro de Provérbios:
A-   O USO DA COMUNICAÇÃO COMO CONSTA DA BÍBLIA:
I – A FORMA DE COMUNICAÇÃO PODE ACABAR COM A RAIVA OU AUMENTÁ-LA:
Provérbio 15.1:“A resposta delicada (ou calma) desvia o furor (a fúria), mas a palavra dura (ríspida) aumenta a raiva (desperta a ira)”. 
Quando estamos nervosos ou encontramos alguém que esteja, temos duas opções: atiçar o nervosismo, ajudando a aumentar o fogo ou não aceitar a provocação e procurar extinguir as chamas. Qual sua escolha?
II – AS PALAVRAS PROFERIDAS PODEM FERIR OU CURAR:
Provérbio 12.18: “Há palavras que ferem como espadas, mas a língua dos sábios traz a cura”.
Cuidado com o que fala aos filhos, pois  palavras dos pais para os filhos podem deixar cicatrizes para a vida inteira. A maneira errada de falar produz feridas profundas, enquanto a certa é geralmente inofensiva e pode ser construtiva.
Provérbio 12.25: “O coração ansioso deprime o homem, mas uma palavra bondosa o anima”.
Provérbio 16.24:“As palavras agradáveis são como um favo de mel, são doces para a alma e trazem cura para os ossos”
III – AS PALAVRAS PODEM INJETAR ESPERANÇA OU DESTRUIR:
Provérbio 15.4: “As palavras bondosas nos dão vida nova, porém as palavras cruéis desanimam a gente”. 
Ao contrário, o abuso verbal pode ser mais doloroso do que abuso físico. Feridas físicas podem ser curadas em questão de dias, cicatrizes emocionais são carregadas por toda a vida.
Provérbio 18.21: “O que você diz pode salvar ou destruir uma vida; portanto, use bem as palavras e você será recompensado”.
Devemos aprender exatamente o que dizer para deixar as pessoas felizes, sentindo-se amadas. Eis um jeito fácil de fazer um  número grande de amigos.
Provérbio 25.11:“A palavra certa na hora certa é como um desenho de ouro feito em cima de prata”.
A pessoa que  usa bem as palavras – escritas ou proferidas -  torna-se alvo de admiração de quem as ouve ou lê. Todos temos a capacidade de oferecer palavras de amor, plenas de gentileza, incentivo e sabedoria.
B – OS BENEFÍCIOS PARA QUEM SE COMUNICA SEGUNDO OS PADRÕES BÍBLICOS:
 
1.    Obtém sucesso material:
Provérbio 10.21: “As palavras dos justos dão sustento a muitos, mas os insensatos morrem por falta de juízo”.
Provérbio 18.20: “Do fruto da boca enche-se o estômago do homem; o produto dos lábios o satisfaz”.
2.    Vive mais em estado de alegria e satisfação:
Provérbio 15.23: “Dar resposta apropriada é motivo de alegria; e como é bom um conselho na hora certa”.
Provérbio 12.14: “Do fruto de sua boca o homem se beneficia, e o trabalho de suas mãos será recompensado”.
3.    Conquista amizade daqueles que o cercam (torna-se amigo do rei):
Provérbio 22.11: “Quem ama a sinceridade de coração e sabe falar bem terá a amizade do rei”.
Um círculo de amizades pode contribuir grandemente para a sua carreira; pode também melhorar seu nível de relacionamento e de comunhão com os da comunidade de fé! Comunique-se mais, sempre mais, porém, antes, saiba se comunicar segundo os padrões bem definidos na Palavra de Deus! (Reflexão com base em mensagem anunciada na Comunidade, por este pastor, no culto de domingo 03/03/2013).

4 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]



<< Página inicial