REFLEXÕES PASTORAIS COM GRAÇA

segunda-feira, 18 de novembro de 2013

CRESÇA ESPIRITUALMENTE E O ESPÍRITO SANTO IRÁ PRODUZIR OBRAS VIVAS DE FÉ EM VOCÊ!

O Evangelho de João introduz o papel do Espírito Santo no crescimento espiritual. O Novo Nascimento beneficia o cristão com a vida e os dons do Espírito Santo, incluindo a capacidade de orar sob o poder do Espírito Santo. O Espírito Santo é nosso Mestre, Consolador, Advogado e Guia. Ele é a nossa fonte da verdadeira compreensão espiritual. Ele levanta e nos capacita a viver a vida cristã; com Ele não apenas somamos, mas frutificamos e aí multiplicamos, tornamo-nos discípulos de Cristo.
Vejamos no Evangelho de João quando Jesus dá SETE INSTRUÇÕES que conduzem ao crescimento espiritual dos discípulos:
1. A citação em João 3.3: ...” Na verdade, na verdade te digo que aquele que não nascer de novo não pode ver o Reino de Deus”.
GERA UMA PRIMEIRA INSTRUÇÃO: Compreenda que é impossível ver o Reino de Deus e nele entrar sem renascimento espiritual.
2. A citação em João 11.40:...” Não te hei dito que se creres verás a glória de Deus?”
GERA UMA SEGUNDA INSTRUÇÃO: Compreenda que a glória de Deus é revelada àqueles que creem.
3. A citação em João 13.17:‘Se sabeis essas coisas, bem-aventurados sois se as fizerdes”.
GERA UMA TERCEIRA INSTRUÇÃO: Compreenda que é o que você pratica da Palavra de Deus que traz bênçãos para você e para os outros.
4. A citação em João 14.23-26: .... “Se alguém me ama, guardará a minha palavra, e meu Pai o amará, e viveremos para ele e faremos morada nele. Quem não me ama não guarda as minhas palavras; ora, a palavra que ouviste não é minha, mas do Pai que me enviou. Tenho-vos dito isso, estando convosco. Mas aquele Consolador, o Espírito Santo, que o Pai enviará em meu nome, vos ensinará todas as coisas e vos fará lembrar de tudo quanto vos tenho dito”.
GERA UMA QUARTA INSTRUÇÃO: Compreenda que o Espírito Santo capacita o povo de Deus a compreender e viver de acordo com a verdade.
5. A citação em João 16.8-11: “E, quando ele vier (o Consolador), convencerá o mundo do pecado, da justiça e do juízo: do pecado, porque não creem em mim; da justiça, porque vou para meu Pai, e não me vereis mais; e, do juízo, porque já o príncipe deste mundo está julgado.
GERA UMA QUINTA INSTRUÇÃO: Compreenda que é preciso pedir ao Espírito Santo para que traga convicção ao seu coração; este é um dos ministérios primários dEle.
6. A citação em João 16.12-15: “Ainda tenho muito a vos dizer, mas vós não o podeis suportar agora. Mas, quando vier aquele Espírito da verdade, ele vos guiará em toda a verdade, porque não falará de si mesmo, mas dirá tudo o que tiver ouvido e vos anunciará o que há de vir. Ele me glorificará, porque há de receber do que é meu e vo-lo há de anunciar. Tudo o quanto o Pai tem é meu; por isso, vos disse que há de receber do que é meu e vo-lo há de anunciar’.
GERA UMA SEXTA INSTRUÇÃO: Compreenda que conhecer a verdade da Palavra de Deus, só se torna possível através da atuação do Espírito Santo.
7. A citação em João 16.24: “Até agora, nada pedistes em meu nome; pedi e recebereis, para que a vossa alegria se cumpra”.
GERA UMA SÉTIMA INSTRUÇÃO: Compreenda a importância de pedir ao Pai as coisas que você necessita para viver e fazer o trabalho dEle.

Portanto, em síntese, devemos ter clareza que é preciso nascer de novo para ter parte com Deus. É preciso crer para ver a glória de Deus. Não importa, apenas, saber, é preciso praticar as instruções e os ensinos da Palavra de Deus. Demonstramos amar a Deus quando guardamos Sua Palavra; somente assim Ele fará morada em nós. É preciso receber o Espírito Santo, deixando-se ser guiado por Ele que nos convence do pecado, da justiça e do juízo. Quando assim procedemos, demonstramos que conhecemos a verdade da Palavra de Deus, e aí tudo o que pedimos, em Seu nome, crendo, haveremos de receber! Confie, espere, em fé, a bênção lhe alcançará! E mais importante: espiritualmente forte e maduro, você reproduzirá e o Espírito Santo há de produzir obras vivas de fé em você! (Reflexão com base em mensagem anunciada na Comunidade, por este pastor, no culto de domingo 17/11/2013). 

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]



<< Página inicial