quinta-feira, 2 de julho de 2015

CELEBRANDO AO SENHOR!

Não há nada mais frustrante do que realizar tarefas e não ver sentido no que se faz (Eclesiastes 3.12,13). Como é vazia a vida do homem sem senso de realização!
Um povo que não aprende o poder da celebração não é somente um povo triste e infeliz, mas um povo desprovido do senso de significado da vida. Passar pela vida sem celebrá-la é uma tragédia! Quando não aprendemos o poder da celebração, mesmo as coisas boas da vida, tornam-se se pesadas e enfadonhas. Viver sem celebrar é como sentar-se à uma mesa repleta de guloseimas e pratos sofisticados, mas não sentir o sabor do que se come. É como olhar ao redor e ver o mundo em preto e branco. É viver sem cheiro, sem sabor, sem cor e sem brilho.
POR QUE DEVEMOS CELEBRAR?
I. Porque fomos criados para celebrar a Deus.
Porque Ele deseja que vivamos para celebrar as coisas boas que fez. Quando descobrimos o poder da celebração, passamos a viver uma vida revigorante e cheia de entusiasmo. Uma das marcas do verdadeiro cristão é a ação de graças. A formação do homem foi a consumação da obra criativa de Deus, dando um significado todo especial para esse ato. O homem foi feito à imagem de Deus para celebrá-lo em adoração e louvor: “Tributai ao Senhor a glória devida ao seu nome, adorai o Senhor na beleza da santidade”(Salmo 29.2). Não há sentido na vida se nos desviarmos desse propósito básico. Toda a criação celebra a Deus:  “Todo ser que respira louve ao SENHOR. Aleluia! ” (Salmos 150. 6).Só podemos alcançar a plena e verdadeira satisfação quando nos voltamos para a nossa vocação essencial: adorarmos ao Criador e celebrá-lo pelos Seus feitos.
II. Porque celebrar nos dá senso de propósito.
O homem, como obra prima da criação, jamais encontrará plena satisfação na vida se não for colocado nas mãos de Deus. Somente em Deus podemos extrair o que há de melhor em nós.Quando aprendemos a razão da celebração, nada em nossas vidas ficará sem sentido e assim viveremos para desfrutar intensamente de cada evento. Mesmo a morte, que é o acontecimento mais difícil da experiência humana, terá um propósito, posto que nossa existência não se encerra quando o coração pára de bater. “Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo propósito debaixo do céu”(Eclesiastes 3:1).
Quando aprendemos sobre a importância e o poder da celebração, encontraremos prazer nas realizações da vida. Na vida, como discípulos de Cristo, temos um propósito de vida, por isso, celebramos a Deus por tudo, desde uma refeição ou por coisas aparentemente sem importância e sem significado, para muitos. 
Alguém pode ser milionário, mas se seu coração estiver tão somente nos bens materiais, não encontrará satisfação e muito menos realização em toda a sua riqueza. 
III. Porque celebrar nos fortalece espiritualmente e nos prepara para novas conquistas
Quando não celebramos, a impressão que temos é de que nada está acontecendo. Essa falta de percepção gera um sentimento de frustração e desânimo porque o homem foi criado para realizar-se. Podemos realizar grandes feitos e alcançar muitas conquistas, mas se não aprendermos a celebrá-las, sempre estaremos com aquela sensação de que não andamos muito.Quando refletimos sobre a vida de Davi, por exemplo, vemos um homem que chegou onde chegou porque aprendeu a celebrar a Deus nas pequenas coisas. Os salmos escritos por Davi são o exemplo vivo da sua percepção de vida, pois Ele encontrava motivos para louvar a Deus em todas as coisas ao seu redor. Essa disposição deu-lhe forças para prosseguir em sua jornada até tornar-se o rei mais importante de Israel. Aprendamos como Davi a celebrar a Deus por cada passo dado em Sua presença.
Há muito poder de Deus liberado sobre nós quando celebramos! Quando entendemos a graça de Deus liberada sobre nós, enxergamos toda a beleza e o esplendor da vida para celebrar. Este é um momento em que a graça de Deus nos permite enxergar a beleza de viver para celebrar. Aprenda a olhar ao seu redor com olhos diferentes: perceba propósito, sinta a vida, viva-a com intensidade pois ela nos é dada de forma abundante em Cristo (João 10.10b), posto que Ele veio para que tenhamos vida e vida em abundância. Glória a Deus, por isso!. (Reflexão com base em mensagem anunciada, por este pastor, no culto de celebração de domingo 28/06/2015). 

Nenhum comentário: